Harm reduction

The Brazilian government had no time to prepare the market for the reduction of the target for the primary fiscal surplus (the budget balance before interest payments) from 1.2 per cent of gross domestic product to 0.15 per cent. The harm-reduction efforts apparently include increasing the media exposure of the finance minister, Joaquim Levy.

In the past last few weeks, he was interviewed by Fernando Dantas, for Agência Estado, and by Miriam Leitão, for her programme on GloboNews. The minister also wrote an article for Folha de S.Paulo (English version here).

Mr Levy cautiously tries to show some optimism and sends messages to the Congress — with no explicit attacks.

Redução de danos

O governo não teve tempo de preparar o mercado para a redução da meta de superavit primário, que passou de 1,1% para 0,15% do PIB. O esforço para diminuir os danos, pelo visto, inclui aumentar a exposição do ministro da Fazenda, Joaquim Levy, na mídia.

Nas últimas semanas, ele foi entrevistado por Fernando Dantas, para a Agência Estado, e por Miriam Leitão, para seu programa na GloboNews. O ministro ainda escreveu um artigo para a Folha de S.Paulo.

De maneira comedida, Levy tenta transmitir certo otimismo e manda recados ao Congresso, mas sem atacá-lo explicitamente.